dores nas costasdores nas costas
home
imagem
quem somos
imagem
dor nas costas
imagem
causas e fatores de risco
imagem
coluna vertebral
coluna vertebral
imagem

Anatomia da Coluna Vertebral

imagem

Bico de Papagaio

imagem

Músculos

imagem
funcionamento da coluna
Funcionamento da Coluna
imagem
Osteoporose
imagem
diagnósticos
imagem
tratamentos
imagem
exercícios
imagem
cirurgias
imagem
conselhos e dicas
imagem
dúvidas frequentes
imagem
contato



Coluna Vertebral

Funcionamento da Coluna

LORDOSE LOMBAR

Agora que temos uma boa noção da anatomia da coluna vamos nos deter um pouco no estudo do seu funcionamento.

Estudos mostram que na posição SENTADA a pressão nos discos é maior que na posição DE PÉ (POSIÇÃO ORTOSTÁTICA). Esta pressão aumenta ainda mais quando nos sentamos de maneira ERRADA, por exemplo com a LORDOSE LOMBAR aumentada ou diminuída exageradamente.

 

 

 

 

O aumento da LORDOSE LOMBAR (HIPERLORDOSE) causa um desequílibrio mecânico na coluna, um dos principais responsáveis pela DOR NA COLUNA.

 

 

 

 

A DOR NAS COSTAS da mulher grávida é causada principalmente pelo aumento da LORDOSE LOMBAR, que aparece devido ao aumento da barriga.

Este aumento desvia para frente o centro de gravidade da coluna. Esta postura sobrecarrega músculos, ligamentos e discos.   












A) Aumento da Lordose Lombar
















O QUE É HERNIA DE DISCO E DOR CIÁTICA?

Durante a inclinação lateral do corpo ou quando exercemos um movimento de torsão, a pressão nos DISCOS também é anormal e assimétrica causando uma deformação no próprio DISCO e uma mudança de posição das FACETAS ARTICULARES.


 Se o movimento for brusco e não estivermos preparados para executá-lo (por exemplo tentar defender uma bola difícil num jogo de tênis; um escorregão, uma queda de "mau jeito", pegar um peso de maneira errada) estas estruturas são solicitadas anormalmente, podendo causar desde PEQUENOS TRAUMAS NO DISCO OU ATÉ UMA RUPTURA DO SEU ANEL FIBROSO. As cartilagens das facetas também sofrem microtraumas.

Há um consenso na comunidade científica que estes pequenos traumas produzem minirrupturas e que essas minirrupturas são uma das principais causas de DOR NAS COSTAS.

A) Anel fibroso não rompido
     (PROTUSÃO DISCAL)
 B) Anel fibroso rompido
     (HÉRNIA DISCAL)
 

 

Portanto, a cada crise de DOR que uma pessoa tem durante a sua vida corresponde a uma destas rupturas.
Após várias rupturas o anel fibroso fica mais fraco e se dilata produzindo uma PROTUSÃO DISCAL (HÉRNIA DISCAL).

Esta protusão comprime o NERVO que está próximo. Na coluna lombar isto acontece principalmente com os discos entre as duas últimas vértebras lombares, e neste caso, o nervo comprimido é o nervo CIÁTICO que está próximo. Esta compressão produz a DOR CIÁTICA. Esta DOR começa em uma das nádegas e se irradia para a parte de trás da coxa, caminha para as panturrilhas ou parte lateral da perna, podendo chegar até a parte lateral do pé.

O QUE É PONTO GATILHO?


 Com certa frequência, apesar da dor difusa e associado à dor ciática, o doente refere e localiza um ponto que é mais doloroso que os outros.

Este ponto é chamado de PONTO GATILHO ou "TRIGGER POINT". Um dos procedimentos comumente usados é o de injetar anestésico local, associado ou não à cortisona profundamente neste ponto, indo até a massa muscular.

Muitas vezes o doente sente um alívio bastante satisfatório.

 

 

 

 

DESIDRATAÇÃO DO DISCO

Outro fenômeno que acontece com o DISCO é a sua desidratação, e isto faz parte do nosso envelhecimento natural (A pele flácida e enrugada do velho é devido à sua desidratação).
A desidratação do disco faz com que ele perca altura, diminuindo o espaço entre dois corpos vertebrais vizinhos. Esta alteração causa um "aperto" das estruturas vizinhas locais, proporcionando com os anos o aparecimento de bicos de papagaio entre os corpos vertebrais e nas facetas articulares além de produzir um engrossamento dos ligamentos locais.


O QUE É ESTENOSE DO CANAL?

  

 Compare um canal normal (esq.)
 com um canal estreito (dir.)

 

 

 

 


Fotos: René, L.: Anatomia Clínica número 1.
Springer International.
Janvier 1987 (Edition Française)
P. Rabischong – Montpellier.
 


Estes bicos de papagaio também penetram no CANAL MEDULAR diminuindo o espaço pelo qual passa a MEDULA NERVOSA. Esta diminuição da largura do canal chama-se ESTENOSE DO CANAL MEDULAR. Nestes casos a MEDULA NERVOSA FICA COMPRIMIDA, dificultando a circulação do sangue no local, provocando uma série de alterações como por exemplo: forte dor lombar ao andar, obrigando a pessoa a fazer paradas constantes durante um curto percurso, cãibras noturnas, formigamentos e adormecimentos das pernas no período noturno. A ESTENOSE DO CANAL geralmente só aparece nas pessoas acima dos 70 anos, é fruto da degeneração e do desgaste das estruturas da coluna lombar e o seu tratamento de eleição quase sempre é a CIRURGIA.


© Copyright 2011 – Dores nas Costas – Todos os direitos reservados.

As informações contidas neste site devem ser usadas como orientação ao internauta e não tem a intenção de substituir a relação médico-paciente.
Este site segue o Código de Conduta da Health On the Net Foundationhealth on the net foundation